quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010

Só de pensar


Só de pensar em tudo, vejo meu passado recriando vida
reformulando o calor de antes, fazendo meu coração pulsar mais forte
tudo se torna mais claro, ao clarear daa noite, quando me deito em berço
canção que começa dentro de mim, com cheiro de saudade me apertando...

Como um menino vivaciando seu primeiro sentimento
desvirginando seu coração com toques de surrealidade intensa
ilusões praticadas por inseguranças multiplas em conjunto
Instabilidades serenas...

Muita serenidade faz o silêncio gritar e ecoar, canabalizando o próprio EU
nos textos usam três pontos..., na cabeça uma tempestade de loucas de incógnitas
usando o próprio inconsciente, como seu instável conflito
absurdaMENTE que se sente pequena ao ouvir de seu próprio silêncio
o grito de alerta !

9 comentários:

Fabíola Oliveira disse...

Um texto singelo. Mas que deve revelar verdades pessoais. Verdades que apenas você conhece.

FabioZen disse...

Uma textualidade altamente intimista.Gostei!

Tatiane Rosa disse...

Cara mto bom excelente até salvei aki,gostei demais

fabis disse...

muito bom vc escreve muito bem parabens


Novo layout -- http://afffveioo.blogspot.com/ Deixem Comentarios

Emmy S. disse...

gente, bem profundo *-* confesso que esses primeiros sentimentos mais fortes sempre enlouquecem qualquer um!

Ana ® disse...

Tb adorei seu blog... e essa frase do Lennon? Sensacional...! ^^

Duda disse...

Seus posts estão cada dia melhores... adorei!!!
Sou suspeita né, mas pode acreditar... rs

Mirella disse...

Bem interessante!

Naya Rangel disse...

Adorei a serenidade e a mensagem do texto!

Abraços!

Postar um comentário